Os condroprotetores ajudam?

A osteoartrite é o problema de saúde mais comum nos cães. 20% dos cães mais velhos que um ano sofre transtornos articulares; mais de 95% dos casos acontecem em cães de cinco anos ou mais.

A claudicação é a causa principal de consulta ao veterinário dos cães com osteoartrite. Imobilidade, recusa a dar passeios, dificuldade a levantar-se, claudicação persistente, rigidez ao acordar e dor crónica são outros dos sinais habituais. Estes podem desenvolver-se gradualmente ou aparecer de repente na sequência de um traumatismo menor ou exercício em excesso.

destruição da cartilagem

A dor deve-se à perda da espessura e qualidade da cartilagem articular. Esta vai-se degenerando o que pode levar à inflamação da cápsula articular e à reação óssea (osteófitos).

Os condroprotetores são uns suplementos alimentares que favorecem a hidratação e nutrição da cartilagem articular.

A composição dos condroprotetores mais habituais é: glucosamina, ácido hialurónico e sulfato de condroitina.

A glucosamina aumenta a síntese de componentes da matriz pelos condrócitos. A ação sinérgica do sulfato de condroitina e glucosamina potencia o efeito deste condroprotetor.

Condroprotector para perrosO ácido hialurónico contribui a manutenção adequada do fluído sinovial, essencial para recuperar a mobilidade articular.

O sulfato de condroitina é um dos principais elementos de construção da cartilagem, que juntamente com proteoglicano, confere à cartilagem propriedades mecânicas e elásticas e contribui para uma correta hidratação da mesma.

A vitamina E previne o aparecimento de distúrbios osteocondrais e limita a formação de radicais livres associados à artropatia.

Os condroprotetores, sendo um produto natural e presente no organismo, não produzem efeitos adversos. Não são um medicamento, e portanto não necessitam de receita médica, nem se vendem necessariamente em farmácias. Ao contrário de outros tratamentos, estes podem ser administrados durante longos períodos de tempo sem prejudicar o organismo.

Os condroprotetores podem ser administrados tanto em cães de raças com especial incidência para a displasia da anca durante o seu crescimento ou em cães idosos que já apresentem problemas.

A administração em cães durante o período de crescimento pode começar-se aos 3 meses de idade até que o período de crescimento termine (entre os 8 e 10 meses de idade, dependendo da raça).

Existem vários condroprotetores no mercado. A Ortocanis fez uma seleção dos melhores condroprotetores, segundo a qualidade e efetividade dos princípios ativos.


Equipa técnica da Ortocanis

ortocanis.com